Bom dia! Sexta-feira, 19 de julho de 2019

Educadora da FASE Amazônia é homenageada pela Alepa

Postado em 14/12/2018 as 22:39:37

Por Élida Galvão

| Graça Costa é condecorada pela Alepa em reconhecimento à luta pelos direitos humanos e sua atuação feminista

Em sessão solene realizada na semana alusiva às comemorações dos 70 anos do dia da Declaração Universal dos Direitos Humanos, a Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) homenageou a educadora social da Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (FASE) – Amazônia. A condecoração ocorreu na manhã desta terça (13.12) com a entrega da medalha Paulo Frota¹. A homenagem se estendeu à educadora Aldebaram Moura, que era uma das coordenadoras da entidade na Amazônia.

Maria das Graças de Figueiredo Costa é uma das lutadoras de maior importância na entidade, com histórico de militância iniciado muito cedo, quando ainda lecionava em escola pública, seguindo a pedagogia libertária e emancipadora de Paulo Freire.

Mulher negra e feminista, como se identifica, Graça vem atuando na FASE desde a década de 60, quando a entidade fora criada. Sua trajetória também perpassa pela luta contra a ditadura militar, pela atuação nas pastorais sociais, momentos em que contribuiu para a formação de centenas de mulheres e jovens frente à luta pelo direito à cidade e pela reforma urbana.

Enquanto educadora social da FASE, junto a outras mulheres fundou o Fórum de Mulheres da Amazônia Paraense, esteve à frente da realização do Fórum Social Pan Amazônico no Brasil e integra o Movimento de Mulheres do Nordeste Paraense (MMNEPA), assim como a Articulação Nacional Agroecologia (ANA).

Além disso, Graça participou da criação e integra o Comitê Gestor do Fundo Luzia Dorothy do Espírito Santo, um fundo vinculado ao Fundo Dema e que se volta ao apoio de projetos coletivos de mulheres do campo e da cidade com o objetivo de fortalecer a autonomia e contribuir para o empoderamento de mulheres da região Oeste do Pará, especificamente nas regiões do Baixo Amazonas, Transamazônica e BR 163. 

Ao se pronunciar, Graça falou sobre a luta das mulheres na sociedade brasileira para a conquista democracia e pela igualdade. “Colocamos o nosso medo, a nossa expectativa nem sempre tão positiva com o desrespeito e de desvalorização dos direitos humanos. Não há como não falar sobre os crimes que avançam sobre as crianças, sobre as mulheres e sobre a juventude negra da periferia. Não há como não falar das mulheres que mesmo com os avanços conquistados, ainda são grandes vitimas da violência que está em casa e muitas outras mortas a cada dia pelo feminicídio”.

Reconhecimento

Além de Graça, outra mulher da FASE fora homenageada, Aldebaram Moura, uma ilustre militante dos direitos humanos, falecida no último dia 05 de dezembro. Baram, como era mais conhecida a coordenadora adjunta da FASE Amazônia, teve seu histórico de luta reconhecido in memorian, assim como outros militantes, entre eles, o dirigente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Ulisses Manaças, falecido em agosto deste ano.

As homenagens contaram com a intervenção do Dep. Carlos Bordalo, presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Alepa, que também homenageou a Associação dos Agroextrativistas, Pescadores e Artesãos do Pirocaba, entidade que representa a comunidade acompanhada pelos educadores e educadoras sociais da FASE e que lançou seu Protocolo de Consulta no mês de outubro. A Associação dos Discentes Quilombolas da Universidade Federal do Pará (UFPA) foi outra importante entidade condecorada durante a cerimônia.

____________

¹ A comenda Paulo Frota faz menção ao juiz da infância e da adolescência falecido em 1991, que se tornou um ícone na luta pela implantação e garantia do cumprimento do estatuto da Criança e do Adolescente.


Veja mais fotos

Fonte: Fundo Dema

Rua Bernal do Couto, 1329, bairro: Umarizal, CEP: 66055-080 - Belém/PA
Tel.: (91) 4005-3751 / (91) 4005-3755| E-mail: fundodema@fase.org.br
CNPJ: 33.700.956/0004-06