Bom dia! Sábado, 21 de setembro de 2019

Fundo Dema realiza oficinas de elaboração de projetos para Chamada Amazônia Agroecológica

Postado em 16/05/2019 as 16:46:47

Por Silvia Giese¹

| As oficinas de elaboração de projetos alcançaram cerca de 200 pessoas nos territórios de atuação do Fundo Dema

Durante os meses de abril e maio, representantes de associações de povos e comunidades tradicionais do Baixo Amazonas, Transamazônica, BR 163 e do Nordeste Paraense participaram de oficinas de elaboração de projetos para a Chamada Pública Amazônia Agroecológica, realizada pela parceria entre a Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (FASE)/Fundo Dema e o Fundo Amazônia, com o objetivo de estimular a adoção de práticas econômicas e ambientais sustentáveis com o foco na proteção florestal.

As atividades foram realizadas no período de 29 de abril a 1º de maio na cidade de Altamira; de 30 de abril a 3 de maio, em Itaituba; de 15 a 17 de abril, em Santarém e de 07 a 09 de maio, em Belém, com representantes de comunidades quilombolas.                       

Para Leusa Munduruku, da Associação de Mulheres Munduruku da Aldeia Jacaré Velho, em Jacareacanga, a oficina foi importante para tirar dúvidas sobre a construção do projeto. “Já tivemos a experiência de ter um projeto aprovado pelo Fundo Dema, que foi de extrema importância para o desenvolvimento da comunidade. Trabalhamos o manejo de galinhas, agora queremos trabalhar para avançar no processamento dos grãos de café que produzimos na aldeia”, relatou.

Raudenes Andrade, vice-presidente da Associação de Moradores e Produtores da Comunidade de Cachoeira do Aruã (AMOP), no Baixo Amazonas, contou sobre a carência alimentar na região, resultado da escassez de caça e peixes e o aumento da população. “A expectativa é conseguir aprovar o projeto de criação de galinha, porque a gente acredita que será de grande importância para a implementação da geração de renda, além de podermos produzir alimento para famílias”.

A secretária da AMOP, Alderina Bagata, afirma que eles nunca tiveram apoio na comunidade e o projeto será um passo importante para a incentivar mulheres de Cachoeira de Aruã. “Queremos incentivar as mulheres a entenderem a potencialidade que elas têm em ajudar na renda familiar e ajudar na nossa comunidade”, complementa.

Ao todo, as atividades envolveram cerca 200 pessoas de todos os territórios de atuação do Fundo Dema. De acordo com Vânia Carvalho, educadora da FASE/Fundo Dema, a ação se revelou enquanto uma usina de ideias. “Além de divulgarmos a Chamada Pública e discutir sobre técnicas agroecológicas, orientamos para as medidas sobre a dispensa de licença ambiental”, disse.

Amazônia Agroecológica

A Chamada Pública abrange 38 municípios do estado do Pará, nas regiões da Transamazônica, BR 163, Baixo Amazonas e Nordeste Paraense. As propostas submetidas devem beneficiar, no mínimo, cinco núcleos familiares a partir de práticas agroecológicas. Para enviar projetos, as associações comunitárias devem seguir o Roteiro de Elaboração de Projetos e enviar as propostas, obrigatoriamente, de duas formas: via e-mail e impresso pelos Correios, durante o período de 15 de março a 31 de maio de 2019.

 

Acesse aqui a Chamada Pública


______

¹ Estagiária de comunicação

Revisão: Élida Galvão

Foto: Alex Pamplona



Fonte: Fundo Dema

Rua Bernal do Couto, 1329, bairro: Umarizal, CEP: 66055-080 - Belém/PA
Tel.: (91) 4005-3751 / (91) 4005-3755| E-mail: fundodema@fase.org.br
CNPJ: 33.700.956/0004-06